Óleo do impossível!

.

Essa com certeza é de arrancar o tisíu do galho!

E olhem a arrogância desse pessoal: "não será preciso orar, somente ungir"?! (está bem pequeno mas dá pra ler).

Ora, na passagem bíblica do livro de Tiago não diz que a unção, per si, pode curar alguém. O texto diz que é a "oração da fé" que salvará o doente (Tg 5.15), e não a unção sozinha. Separada da oração da fé, a unção não tem nenhum valor.

Óleo do Imposível... Humpf!!!

Impossivel mesmo é acreditar nessa bagaça aí!

***
Fonte: [ blog do Uílson Camilo ] Via [ Púlpito Cristão ]
.
Imprimir ou salvar em PDF

9 comentários

Anônimo mod

Meu irmão,

Há muitas coisas que são motivo de vergonha para os cristãos. No entanto, expor publicamente não ajuda em nada. E tenho certeza de que um bereano, aqueles de quem o apóstolo Paulo realmente fala, os cristãos de Beréia, não fariam isso.

Elildo

Responder

Prezado Elildo...

Creio que o irmão está equivocado.

A Bíblia nos alerta para fazer exatamente o contrário de sua afirmação, temos que estar sempre expondo este tipo de práticas anti-bíblicas, principalmente no intuito de alertar o povo Cristão.

Jesus censurou os fariseus por terem pervertido o caminho da verdade e corrompido o evangelho da graça, chamando-os de hipócritas, guias cegos, loucos e cegos, serpentes, geração de víboras. E isso foi apenas numa mensagem!

Paulo estava constantemente envolvido em controvérsias doutrinárias e ele foi brutalmente claro sobre o perigo das heresias. Ele chamou aos falsos mestres de “cães” e “maus obreiros” (Fil. 3:2). Acerca daqueles que pervertiam o evangelho, ele disse, “seja anátema” (Gal. 1:8,9). Ele chamou-os de “homens maus e enganadores” (II Tim. 3:13), “homens corruptos de entendimento e réprobos quanto à fé” (II Tim. 3:8), “falsos apóstolos, obreiros fraudulentos” (II Co. 11:13). Ele disse o nome de falsos mestres e chamou aos seus ensinamentos “falatórios profanos” (II Tim. 2:16,17). Ele avisou acerca de “filosofias e vãs subtilezas” (Col. 2:8). Ele descreveu claramente os “que com astúcia enganam fraudulosamente”. Quando Elimas tentou desviar homens da fé que Paulo havia pregado, Paulo não desperdiçou tempo com diálogo. Ele disse “Ó filho do diabo, cheio de todo o engano e de toda a malícia, inimigo de toda a justiça, não cessarás de perturbar os retos caminhos do Senhor?” (Actos 13:10). Ele avisou acerca dos falsos mestres que haviam de vir às igrejas e chamou-os de “lobos cruéis” (Actos 20:29) e aos seus ensinamentos de “coisas perversas” (Actos 20:30). Aqueles que negavam a ressurreição corporal eram chamados de “insensatos” (I Co. 15:35-36). Ele avisou acerca de falsos cristos, falsos espíritos, falsos evangelhos (II Co. 11:1-4). Ele rotulou os falsos ensinamentos de “doutrinas de demônios” (I Tim. 4:1). Nas Epístolas Pastorais Paulo avisou acerca de falsos mestres e daqueles que se comprometem com o erro chamando-os pelo nome em 10 ocasiões.

Pedro era também de palavras claras quando se tratava de heresias. Aos falsos profetas da sua época e àqueles que ele sabia que viriam no futuro, ele rotulou as suas heresias de “heresias de perdição” e avisou acerca da sua “repentina perdição” (I Pe. 2:1). Ele chamou os seus caminhos de “dissoluções”; disse que as suas palavras eram “fingidas”; e declarou ousadamente que “a sua perdição não dormita” (II Pe. 2:3). Ele avisou-os acerca do inferno eterno (II Pe. 2:4-9) e chamou-os de “atrevidos” e “obstinados” (II Pe. 2:10). Ele comparou-os a “animais irracionais, que seguem a natureza, feitos para serem presos e mortos” (II Pe. 2:12) e expôs o seu engano (II Pe. 2:13).

João, “o apóstolo do amor,” ocupou-se também de avisar acerca dos anticristos (I João 2:18-19), chamando-os de mentirosos (I Jo. 2:22) e enganadores (I Jo. 2:26; II Jo. 7); ao dizer que negavam o Filho (I Jo. 2:23) e que não tinham Deus (II Jo. 9). Ele até declarou toda uma série de pronunciamentos exclusivos, tais como, “Sabemos que somos de Deus, e que todo o mundo está no maligno” (I Jo. 5:19).

João até proibiu os crentes de receberem os falsos mestres em suas casas ou de os saudarem (II Jo. 10-11).

Com certeza um bereiano verdadeiro sempre vai alertar o povo Cristão das heresias, seitas e práticas anti-bíblicas. Um Bereiano nunca ficaria calado como você afirma.

Espero ter esclarecido, mesmo que superficialmente.

Graça e Paz!

Responder

E aí Ruy, tudo bom irmão.
Seu blog está cada vez melhor.
Interessante o comentário do anônimo (sempre, sempre anônimo) na afirmação de que não devemos expor. Como saberão ods erros se não há quem mostre? Quase que todas as epístolas foram apologéticas, como faríamos diferente? Mais uma vez parabéns. Devo replicar no meu blog, pois diferente do "reverendíssimo" João Batista, esta congregação colocou o rosto da figurinha...
Abraços
Alberto M de Oliveira

Responder
Anônimo mod

Interessante como a Bíblia pode contradizer a própria Bíblia, quando assim a usamos. Quantas as passagens em que Jesus disse que deixassem em Paz e não acusassem? E o momento em que Gamaliel alertou o sinédrio para que não ocorressem de se acharem combatendo contra Deus?

"Porque, há algum tempo, levantou-se Teudas, dizendo ser alguém; ao qual se ajuntaram uns quatrocentos homens; mas ele foi morto, e todos que lhe obedeciam foram dispersos e reduzidos a nada. Depois dele...
....
Agora vos digo: Dai de mão a estes homens, e deixai-os porque este conselho, ou esta obra, caso seja dos homens se desfará; mas se é de Deus, não podereis derrotá-los; para que não sejais, porventura, achados até lutando contra Deus" (Atos 5:36-39)

Sou um "equivocado", um "João Batista", um "anônimo". Deixei meu nome, meu prezado Alberto. Escrevi de meu próprio email para o autor do Blog. Não deixei figurinha, porque não tenho figurinha, que por sinal poderia ser do super-homem ou de uma tartaruga ninja. Nada mudaria se fosse uma foto do Tom Cruise ou do Renato Aragão. Obrigado, meu irmão (não anônimo) Alberto M. de Oliveira por seu amor e por ter dito (ao menos tenho certeza de que pensou) que vai orar por esse miserável pecador que expressou uma opinião, a qual mantem. É, certamente, um miserável que precisa de muita oração.

Elildo Mancebo Reis
Miserável pecador
Primeira Igreja Batista de Niterói

Responder
Elildo Mancebo Reis mod

Provavelmente encerrando minha (infeliz) participação, gostaria de sair um pouco do anonimato, e deixar uma pergunta, para quantos desejarem responder. Claro que respostas dependem de moderação, e não tenho nenhuma autoridade aqui para isso.

Evangelizei, pela primeira vez, provavelmente antes que a maioria dos participantes aqui sequer tivesse nascido. Jamais sentei em um banco de seminário, mas várias vezes sentei em um meio fio com um desconhecido, falando do quanto Jesus o ama, e o que havia feito por mim e por ele. Conheço bem o que é falar do amor de Jesus. Já ouvi muita bobagem, e provavelmente até falei umas tantas outras. Mas todas as coisas que vi me mostraram que não tenho o direito de levantar a voz contra aquele que prega o evangelho, ainda que pregue por vaidade. O apóstolo Paulo foi bem claro dizendo "Que importa? contanto que de toda maneira, ou por pretexto ou de verdade, Cristo seja anunciado..." (Filipenses 1:15-18). Claro que logo poderá aparecer uma "refutação apologética" ao que acabo de escrever, mas quando se entra nesse tipo de disputa, ela jamais acaba. Existem diferenças brutais entre denominações, mas há algo que é inegociável: o fato de sermos pecadores, condenados por isso, mas resgatados porque "Jesus tomou para si..." nossas iniquidades. Não faltam os lobos vestidos de cordeiro, e o apóstolo Paulo nos alerta sobre eles, mas eles não podem ser o alvo primário de nossa atenção, mas devemos seguir "... olhando para Jesus, autor e consumador de nossa fé, ..." (Romanos 12:2)

A pergunta que eu deixo, sincera e sem nenhum tom sarcástico, é quanto ao "perigo" de um Eliseo Soriano". Que perigo ele representa para os membros de nossas igrejas? Será que alguém que visita esse BLOG, que no mínimo sabe ler, é alguém sujeito a cair nas 'garras' dele? Será que fazemos idéia de que tipo de pessoa é o seu 'alvo'? O que estamos fazendo por essas pessoas? Se estamos escrevendo algo para alertá-los, estamos dando tiro a esmo. São pessoas que precisam ser alcançadas através do evangelismo pessoal, e isso depende do meu (e do seu) por essa alma, mas é necessário ter aquele amor que constrange (II Cor. 5:14), aquele amor que Jesus tinha (tem) e que nem mesmo seus discípulos, andando tão próximos a Ele, puderam entender durante Seu ministério. Mas eles entenderam, já depois de Sua crucificação e ressurreição. Ah... e quando entenderam, descobriram "o quanto lhes cabia padecer por Seu nome" (Atos 9:16). Estou tomando a liberdade de generalizar algo que foi dito a respeito do apóstolo Paulo, que descobriu também que poder todas as coisas (Filipenses 4:13) significa ser capaz de suportar as piores adversidades, passar fome e frio, assim como ter abundância sem deixar que a soberba tomasse a sua vida.

Em Cristo,
Elildo Mancebo Reis
Miserável pecador resgatado por Jesus
Primeira Igreja Batista de Niterói

Responder

Olá Ruy, vc permitiria o direito a tréplica ao Elildo, para esclarecer pontos? Obrigado.

Caro Elildo segue algumas observações para que todo mal entendido seja desfeito.

1 - Quando me referi a vc aparecer como anônimo, não sei se vc costuma ler postagens nos blogs e ler os comentários (parece que sim), assim sendo vc já deve ter notado que dificilmente alguém que discorde do texto, assume o seu nome, (com referência a blog e tudo mais para sabermos quem de fato falou e sua opinião sobre demais assuntos), e posta como anônimo, como foi no seu caso. Ao nome, devo confessar que por fazer uma leitura rápida, e por quase sempre quando aparece anônimo em cima do tópico, ou a pessoa não assina, ou se assina, um nome não nos diz nada - como vc se referiu a mim;

2 - Quanto a figurinha, não é mérito nem meu nem do Ruy, mas de todos os que possuem um blog registrado do blogspot, sendo assim, automaticamente aparece a foto, claro que poderia colocar uma "figurinha" mais bonita que minha foto, mas estou satisfeito com o que me foi dado por herança genética. Não queria ver sua foto ou "figurinha", mas se vc está como anônimo, respeitosamente me referi a vc como anônimo, pois como afirmei acima, eu lhe vi como anônimo, agora que sei o seu nome Elildo, me refiro a vc pelo seu nome: Elildo. A "figurinha serve para que, clicando nela, conheçamos mais informações da pessoa, e visitemos seu blog;

3 - Assim como vc diz precisar de muita oração,eu afirmo que, se a frase foi embebida em humildade, e não na ironia (o que mais aparentou), mostra um homem respeitável e que sabe que precisa melhorar. Eu por outro lado, parafraseando Paulo: "miserável homem que sou", preciso e muito de oração, pois tenho de melhorar em tudo e em todos os aspectos, sempre;

4 - Elildo, vc diz ser da igreja Batista. Sei que sua congregação tem uma teologia sólida (não sei se vc se nutre da mesma), onde destaco três pontos:
A- O sr RR Soares e a teologia da prosperidade que ele exalta (comumente desmascarado pelo blog Bereianos) deve sim ser desmascarado, denunciado, porque nem todos conhecem as doutrinas bíblicas, como creio que vc deva conhecer, e seria trágico deixar ovelhas se alimentarem de fastfood gospel. Depois quando bate a indigestão, vão a gabinetes pastorais das igrejas que pregam o evangelho realmente puro, se aconselhar com o pastor (como deve acontecer aí em Niterói);
B- O "João Batista" a qual me referi, se auto proclamou "reverendíssimo", e apesar de ser da Igreja da Graça, não se associa, ou tenta não se associar com o sr. RR, projetando em breve um voou solo, e o cartaz em questão colocou a "figurinha" do sr RR Soares (desculpe se me expressei mal, fazendo parecer que falava de vc não ter "figurinha");
C- Sendo vc um batista, não posso concordar com sua expressão de: bíblia contradizer a própria bíblia. Vc fala "quando assim usamos", e nisso eu assino em baixo, é só vc se sentar em seu sofá e ver os programas dessas pessoas por 1 hora e vc verá toda sorte de contradições. Mas no caso de desmascarar obras e teologias erradas, vc erra. Não argumentarei como o meu amigo Ruy fez acima, só peço que releia. Vc poderá economizar tempo de alguns pastores aconselhando os desiludidos com esse outro evangelho, e também muito sofrimento dos neófitos que caem nessa conversa. Cito M. Luther King Jr., pastor batista: "O que me preocupa não é o grito dos maus. É o silêncio dos bons.";

5 - por fim destaco que:
"replicar no meu blog" não significa que falarei mal de vc, ou usarei um tom irônico e desnecessário a sua pessoa Elildo, mas que o post (e somente ele)postarei também em meu blog, com autorização do Ruy;
"esta congregação colocou o rosto da figurinha" não significa que: minha igreja, colocou minha foto, mas sim que a congregação que promoveu a "unção" acima, colocou a foto "do" figurinha, o sr RR Soares. Se aparece sua foto em uma congregação sua, ele no caso, deve dar contas disso. Em meu comentário, Elildo, o que se refere a vc acaba antes dos perênteses, quando comentei ser interessante (devido a uma série de líderes fazerem vistas grossas a esses "cristãos", em nome de uma unidade), e o que se refere ao seu comentário acaba na última interrogação. O resto, (dentro dos parênteses, e o corpo do texto) era destinado exclusivamente ao Ruy. Perdão pela minha ineficácia ao escrever e destinar a mensagem, como também de não ver o seu nome Elildo.

Assim sendo. Elildo,nada justifica o seu tom irônico e agressivo, pois mesmo discordando de seu comentário, em nenhum momento fui desrespeitoso com a sua pessoa. Infelizmente vc não o fez de igual modo. E infelizmente eu devo ter me "equivocado" na objetividade de meu primeiro comentário. Enfim, peço perdão por vc se sentir ferido por algo que escrevi (esse não é nem nunca será meu objetivo), e peço perdão por ter feito vc ter sentimentos e sensações desagradáveis por minha causa. Um abraço. Segue meu email, se vc quiser ser meu amigo: betochurch@gmail.com.
Abraços
Alberto M de Oliveira

Responder
Elildo Mancebo Reis mod

Alberto,

Deixei um texto relativamente grande aqui ontem. Não foi aprovado ainda, mas lá eu já me despeço.

Sobre a "Bíblia contradizer a Bíblia", não é o que acredito, claro, mas eu me referi, ainda que apenas implicitamente, ao fato de o próprio Satanás ter usado um "Está escrito...". Não estou, de forma alguma, associando sua pessoa a Satanás, apenas lembrando que Jesus não venceu por ter uma melhor argumentação, mas pela fidelidade e amor. Grandes debates são muito saudáveis quando feitos "dentro de casa". Falando ao público geral acaba sendo "propaganda gratuita". O RR Soares ganhou alguma, assim como o Eliseo Soriano.

Não estou me baseando em "achismo", mas em uma grande experiência de vida (comecei a evangelizar antes mesmo de você nascer). Você ficaria espantado em saber quantos de nossos maiores líderes pensam o mesmo quanto a não concordar com esse tipo de 'exposição'. Na verdade, para não cair em soberba eu diria que eu é que concordo com eles e não eles comigo.

Elildo Mancebo Reis

Responder
Anônimo mod

Pensador disse Devemos ficar calados diante de doutrinas errôneas que estão sendo pregadas?Vejamos o que nos diz Paulo o Apóstolo dos gentios, em Tt 1:10-13
... É preciso fazê-los calar...Portanto , repreende-os severamente, para que sejam sadios na fé.Paz!

Responder

Jesus cuspiu no chão sujo fazendo lodo, untou os olhos do cego e mandou lava-los: Jesus não orou e o cego enxergou. a palavra de Deus nos orienta que faríamos obras ainda maiores pela fé no Senhor Jesus. João 14:12 Em verdade, em verdade vos digo que aquele que crê em mim fará também as obras que eu faço e outras maiores fará...

Responder

Postar um comentário

Política de moderação de comentários:

1 - Poste somente o necessário. Se quiser colocar estudos, artigos ou textos grandes, mande para nós por e-mail: bereianos@hotmail.com

2 - A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro pelo conteúdo do blog, inclusive quanto a comentários; portanto, o autor deste blog reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Comentários com conteúdo ofensivo não serão publicados, pois debatemos idéias, não pessoas. Discordar não é problema, visto que na maioria das vezes redunda em edificação e aprendizado. Contudo, discorde com educação e respeito.

3 - Comentários de "anônimos" não serão necessariamente postados. Procure sempre colocar seu nome no final de seus comentários (caso não tenha uma conta Google com o seu nome) para que seja garantido o seu direito democrático neste blog. Lembre-se: você é responsável direto pelo que escreve.

4 - A aprovação de seu comentário seguirá os nossos critérios. O Blog Bereianos tem por objetivo à edificação e instrução. Comentários que não seguirem as regras acima e estiver fora do contexto do blog, não serão publicados.

Para mais informações, clique aqui!

Blog Bereianos!